[Resenha] Como se fosse Magia | Bianca Briones

18/09/2016

Autor(a): Bianca Briones
Editora: Gutenberg
Páginas: 208
Nota:  (4/5)


Sinopse: Eva nasceu com o dom de passar os sentimentos para o papel, com isso conquistou milhares de leitores pelo mundo. Agora ela precisa escrever o último livro da sua série de fantasia, mas está com um bloqueio há um ano e não sabe o que fazer.

Enquanto ela tenta se reconectar a seus personagens, a vida coloca em seu caminho um homem igualzinho a um dos seus protagonistas.

O problema é que o desconhecido surge sem nenhuma lembrança de quem ele é.

Enzo está muito confuso. A princípio, ele duvida da conversa maluca de Eva. Mas, mesmo com seu ceticismo, ele não pode negar que se sente extremamente ligado a ela.
O que isso quer dizer?
Envolvidos por esse curioso e estranho mistério, Eva e Enzo estão prestes a descobrir que às vezes para que duas pessoas se encontrem mundos inteiros são capazes de colidir.


Minhas Impressões: Enquanto estava lendo este livro, vinha fragmentos de lembranças, de situações vividas na minha juventude, que tive tanto prazer em fazer, como escrever pequenas cartas de amor, de ficar imaginando situações, criando estórias na minha cabeça, e que com o passar dos anos se perdeu. Mas este livro me fez voltar aos aos meus 17/18 anos, onde a fantasia se misturava com a realidade. 
Eva é uma escritora com um dom lindo, mas que sofreu muito preconceito, lutou pelo que acreditava e com ajuda do seu melhor amigo, que por sinal é um fofo (todo mundo merecia um amigo como o Thiago amei este personagem) vai  finalmente colocar em palavras o que vê ao seu redor. 

"Não há nada de errado em ser diferente. Desde que seja você mesmo é só seguir em frente."

Enzo é simplesmente maravilhoso, se eu falar mais alguma coisa vou dar spoiler.

E para ficar ainda melhor, reencontramos um personagem lindo da Bianca, naquele momento fiquei com um sorriso bobo no rosto. 



"E se tudo parecer desabar, lembre-se de que a fantasia sempre estará lá, esperando por você."

Narrado em primeira pessoa, intercalado entre a Eva e o Enzo, que na minha opinião é ótimo, pois podemos sentir a emoção dos personagens e o ponto de vista de cada um. 
Este livro me cativou desde o início, e a cada página, ansiava mais por saber como seria o final desta estória. 
Nossa me peguei vendo todos personagens, imaginando os locais, as vozes. Realmente o título não poderia ser melhor. 
Obrigada Bianca por nos presentear com este romance leve, cativante que é simplesmente, pura magia. 








Comente com o Facebook:

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Google+

Já curtiu?

Instagram

A Loka do Livro - Copyright © 2016 - Todos os Direitos Reservados